quinta-feira, 30 de junho de 2011

Meditando em Êxodo 17 - Moisés, Josué, Arão e Hur

O cápítulo 17 de Êxodo, narra uma batalha entre Israel e os amalequitas. Nesta passagem, Moisés envia Josué, que mais tarde seria seu sucessor, para liderar o exército de Israel, enquanto isso, ele se posiciona acima do campo de batalha tendo em sua mão a "vara de Deus".
Arão e Hur acompanharam Moisés e observaram que enquanto suas mãos estavam erguidas, Israel prevalecia contra o inimigo, mas quando lhe pesavam os braços, os amalequitas prevaleciam contra Israel. Diante disso, os dois decidiram ajudar sustentando seus braços até o sol se por. Assim, Josué feriu os amalequitas ao fio da espada e o povo de Israel foi, mais uma vez, vitorioso.


Duas observações nos chamam atenção neste texto:

1º Todos tem o seu papel, cada um com a sua importância - Moisés era o líder, que tinha sobre si a unção de Deus, e ao erguer suas mãos, fazia com que Israel prevalecesse; Arão e Hur, foram o suporte de Moisés, garantindo que suas mãos permanecessem erguidas durante toda a guerra e; Josué, sob a orientação de Moisés, foi o obediente e corajoso guerreiro que conduziu o exército para a vitória.

2º Todo bom líder precisa de uma boa equipe de apoio. É importante que ao percebermos um chamado especial de Deus sobre alguém próximo a nós, tenhamos humildade e desprendimento para nos apresentarmos como suporte, pois ainda que não sejamos o grande líder, lutamos a mesma guerra e a vitória alcançada será de todos.

Muitas pessoas não foram chamadas para liderar, e sim para serem suportes. Isso, não os faz menos importantes! Observemos que a vara de Deus estava com Moisés, no entanto, seus braços estavam cansados, e para chegar a vitória, foi necessária a participação daqueles dois homens, que não se preocuparam com posições, mas preocupados com um bem maior, reconheceram a autoridade de Deus que estava sobre Moisés. Eles poderiam ter proposto um sistema de rodízio, no qual cada um ficaria com a responsabilidade por um período, o que, a princípio, resolveria o problema. Mas era sobre Moisés que repousava a unção de Deus.
Com frequência, encontramos pessoas que anelam por uma posição de destaque, não apenas em sua vida secular, mas também no meio cristão. Não é ruim desejar ser um instrumento usado por Deus, mas precisamos compreender que ser instrumento não é apenas erguer as mãos e realizar prodígios, as vezes, é sustentar, orar, interceder... Precisamos antes de tudo compreender o que o Senhor quer de nós e assim cumprir com dedicação a carreira que nos está proposta (Hb 12:1).
Que todos nós, quer sejamos líderes como Moisés, guerreiros como Josué, ou apoiadores como Arão e Hur, possamos cumprir o nosso papel no Reino de Deus ...firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o nosso trabalho não é vão no Senhor (I Co 15:58)

Em Cristo

Junior Lima

6 comentários:

  1. Graça e Paz!
    Meu Filho, parbéns pelo blog Deus continue te usando nesta importante ferramenta para compartilhar idéias e propagar o evangelho de Cristo.
    Já estou seguindo seu blog.

    Abraços meu filho...

    Camilo

    ResponderExcluir
  2. Caro Júnior Lima,
    A Paz do Senhor!

    Parabéns pela iniciativa de publicar o blog.
    Que Deus te abençoe!
    Já estou seguindo e também o incluí em meu bloglist lá no Point Rhema.

    Um grande abraço!

    Seu conservo,
    Pr. Carlos Roberto

    ResponderExcluir
  3. parabéns meu irmão por nos trazer algo tão importante da parte de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, e que venhamos sempre estar prontos para servir ao Senhor sem murmurações e nem contendas. A Paz e a Graça do Deus Eterno seja com todos nós; Amem.

    ResponderExcluir
  4. Muito bom, abriu minha mente bastante para muitas coisas. ..Deus te abençoe meu irmão

    ResponderExcluir
  5. Exatamente isso. Ótima postagem! Falou muito ao meu coração.
    Todos somos importantes no reino de Deus e foi a união que tornou o povo vitorioso.
    Louvado seja Deus. Deus abençoe!

    ResponderExcluir
  6. perfeito ! Como clareou minha mente. Mt obrigada Deus o Abençoe :)

    ResponderExcluir